Labirinto de Paixões - Helen Bianchin

Título Original : Avenging Angel
Casal : Manuel e Terese
Sinopse : Terese sabia que em cada momento nos braços daquele homem ela pagaria um alto preço : a sua liberdade.
Terese sempre imaginou que o amor deveria ser algo repentino, imprevisivel e arrebatador como um relâmpaho que risca o céu, algo que devorasse seu coração e alimentasse sua alma.
Porém, ela ainda não conhecia a maldade dos homens e teve provas deste poder brutal ao conhecer o galanteador Manuel, um aristocrata espanhol que tinha o seu próprio código de regras. E para salvar da prisão o seu padrasto, Terese cedeu mediante chantagem casando-se com Manuel. Uma união sem amor que só lhe trouxe angústia, sofrimento e dor. Neste mundo de lágrimas a  única esperança para ela era ensinar aquele homem sem coração o mágico poder do amor !

Sobre o livro : Tudo começa, quando a jovem enfermeira Terese Bennett, invade a mansão do empresário milionário espanhol Manuel Delgado, para tentar falar com ele depois de várias tentativas frustradas. Ela desejava converse-lo a não seguir com a ação legal contra o seu padrasto Steve, por ele ter causado um acidente que vitimou o Vicente único irmão de Manuel , e Esteban o filho dele  , deixado não só a responsabilidade de Manuel gerar um herdeiro para a continuação do nome da família como também deixou a pequena Isabella de oito anos órfã, já que sua mãe tinha morrido há alguns anos.
Depois de algumas trocas de insultos com Terese argumentado, que fora comprovado que o acidente havia sido devido a uma falha mecânica, Manuel, sugere ou melhor afirma que ela se casará com ele, e lhe dará um herdeiro. No primeiro momento Terese fica chocada com a audácia de Manuel, mas depois ela pensa em seu padrasto que tem um tumor maligno , e no máximo terá apenas oito semanas de vida, então por Steve ela aceita ser a esposa de Manuel Delgado.

* — Para cada coisa há um preço... Você pagará o seu preço, imagino. — Ele refletiu especulativamente e notou, no semblante dela, a expressão de terrível incredulidade acompanhada de um sorriso irônico. — Você vai se casar comigo e produzir os herdeiros que desejo, em compensação pela paz de espírito do seu padrasto. Uma questão de lealdade, concorda? * Pág 8
Manuel e Terese se casam dias depois, com tendo que convencer o padrasto que estava fazendo a coisa certa, e a pior parte, com ela tendo que abandonar seu posto no hospital . Manuel informa a Terese que sua sobrinha e também afilhada, a pequena Isabella, conviverá com eles, já que desde a morte de seu irmão Vicente ele se tornou seu tutor.
 O dia a dia do casal era sempre uma verdadeira batalha, diária de egos, com Terese fazendo de tudo para contrariar o marido, e Manuel com seu charme e bom humor, sempre conseguia que ela cumprisse seus desejos. Apesar disso um sentimento desconhecido, começava a surgir no coração de Terese, graças ao afeto que seu marido dedicava a pequena sobrinha, fazendo com que ela desejasse que  Manuel, a amasse também. Confusa e determinada em não aceitar esse sentimento, Terese ainda precisa agüentar as constantes alfinetadas de Nadine Norcroft, uma mulher que claramente estava interessada em Manuel e não fazia nenhuma questão de esconder isso.

— Humm! — observou ele com um toque de humor. — Não tenho certeza se essa meiguice é natural em você. Vai sempre existir fogo e gelo entre nós. Aquiescência não é parte integrante do meu caráter, nem do seu — concluiu ele secamente. * Pág 74.

Eu sou suspeita para falar sobre os livros de Helen Bianchin, pois sou particularmente fã dessa autora. Os enredos dela, são sempre muito parecidos, o que não que dizer que suas histórias sejam repetitivas, o que me encanta e a forma como ela escreve a relação do casal protagonista, sempre explosiva e apaixonada. O casal em questão, o principal problema e dela, talvez por ainda ser muito jovem e infantil, apesar dele ser arrogante, Terese sempre transforma uma simples situação em um campo de batalha, apenas pelo simples fato de querer contrariar o marido. Mas e claro que Manuel por ser mais maduro sempre consegue tudo o que quer.
Muito bom .. Não esqueçam de comentar!!

6 comentários :

  1. olá!
    eu tbm acho que os livros dessa autora sempre seguem uma mesma linha, mas para dizer a verdade eu nuca li uma história dela estilo florzinha mas essa sua resenha me deixou com vontade de ler ...
    xeru

    ResponderExcluir
  2. Ai, Marla, amiga!!! Me deu vontade!! Será que tem em e-book? Vou procurar!!

    Bjks!

    ResponderExcluir
  3. Olá Marla!! Agora vim conhecer o seu cantinho e tbm estou te seguindo, adorei seu blog, tbm amo romances!! Bjss

    ResponderExcluir
  4. Qui bom sua marquinha no "Alma Exposta". Obrigada querida...! Volte sempre, eu também sou apaixonada por romances. Pelo visto temos algo em comum somos românticas.

    Saudações Poéticas...!

    "Alma Exposta"
    Para Românticos Incorrigíveis
    Poetas, Poemas e Poesias
    http://haydeecerantola.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo blog!!Passando para conhecer e seguir as amigas do Blogueiras Unidas que também participo!!Bjsss
    http://rumoslibertadores.blogspot.com – 494

    http://zildasantiago.blogspot.com - 493
    http:carinhossorteiosetcetal.blogspot.com – 955

    ResponderExcluir
  6. Oi Marla, eu já fiz a resenha desse livro lá no meu blog, vc viu? Eu gostei, apesar de ser um tema sempre batido, mas, fazer o quê, ainda assim a gente gosta...
    bjs
    Ca
    http://mromances.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)